Achando uma Pousada Bacana

 

Itens importantes:

Localização: Não adianta se hospedar em um lugar distante sem carro, ou mesmo com carro. O barato sai caro, pois, se for de carro, tudo bem, mas de ônibus, escolha um lugar central ou que pelo menos seja de fácil acesso.

Movimentação noturna: Bom… eu estou com uma criança e devo me certificar de que, quando chegar ao local, onde me hospedarei, ele é seguro e movimentado, isso é legal notificar. É importante ver se tem comércio, lanchonetes, etc. Nenhum lugar é seguro, mas quanto mais movimentado, melhor. Lugar sem iluminação é complicado. Caso seja pouco movimentado, prefira chegar antes que escureça, e fique no local, sem passeios noturnos.

Se possível escolha se hospedar em lugares onde tenham cozinha, muitas pousadas já têm cozinhas dentro do quarto, outros lugares cozinha compartilhada. Pois, se você estiver com pouca grana, dá para comprar algo no mercado e esquentar, ou fazer rápido, ou até comida mesmo. Podendo deixar para comer coisas diferentes na rua, isso economiza bastante!

Campings: Foi-se o tempo que os campings eram lugares de perrengues, hoje em dia um camping tem todo o conforto necessário (para quem gosta, é claro). Você só dorme na barraca, pois no local tem café da manhã, cozinha equipada cop_20151010_090731-jpg-1236x617_defaultmpartilhada, banho quente, TV na casa principal até WIFI. Claro que alguns campings não têm WIFI, pois a conexão com a natureza é bem melhor, não podemos nos esquecer disso. Mesmo nos vilarejos e nas praias mais distantes, têm camping, pousada, hostel, mercado, igreja, mercearia, etc.

 

 

Dormir na praia e acordar de frente para o mar não tem preço. É maravilhoso. É um hotel com bilhões de estrelas.

Espero que tenham gostado das dicas.

Beijo da Janah.

 

 

About Janah Leite

Pedagoga, ama ser a mãe da Maria, engajada em políticas sociais. Gosta de inspirar as pessoas a viverem seus sonhos. Sempre tem uma visão positiva de seu posicionamento no mundo. Encara a viagem como uma busca constante de compreender o comportamento do ser humano, em suas diversas facetas, criando mais empatia e entendendo que somos iguais em diversas necessidades, independente da cor, religião, opção sexual e classe econômica.